Coleção Cotidiano escolar: ação docente.
Atendimento educacional especializado.

 

Editora Moderna

Imagem da capa do livro "Atendimento educacional especializado do aluno com deficiência visual"Atendimento educacional especializado do aluno com deficiência visual

Cotidiano escolar: ação docente
Autor: Elizabet Dias de Sá, Myriam Beatriz Campolina Silva, Valdirene Stiegler Simão
Número de páginas: 64
ISBN: 9788516042011

 

Sobre a obra

Nesta obra, as autoras tecem considerações gerais sobre a cegueira, suas implicações relativas ao processo de construção do conhecimento e à formação de conceitos, introduzem aspectos elucidativos em relação À ocorrência da cegueira desde o nascimento e à perda súbita ou progressiva da visão. Chamam a atenção para os desafios, a complexidade e as manifestações mais comuns da baixa visão no cotidiano da escola. Relacionam recursos tecnológicos, ópticos e não ópticos, que proporcionam uma melhoria no uso funcional da visão. Focalizam aspectos norteadores do ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO (AEE) para alunos com cegueira ou baixa visão e os recursos pedagógicos e de acessibilidade que ampliam as possibilidades de participação em situações de aprendizagem. A abordagem é enriquecida por relatos de experiência e pelos depoimentos que retratam as dificuldades cotidianas vivenciadas por pessoas com albinismo. Cada capítulo contém informações complementares, sugestões de sites relacionados e de outras fontes de referencia acerca da deficiência visual.

As experiências relatadas, os conceitos e princípios reunidos nesta obra têm a intenção de contribuir para que os alunos com cegueira ou com baixa visão possam se desenvolver plenamente e conquistar uma posição social com independência e autonomia.

 

Sobre o autor

Elizabet Dias de Sá
Elizabet Dias de Sá é graduada em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pós-graduada em Psicologia Educacional pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG).

Valdirene Stiegler Simão
É graduada em Educação Física, com especialização em Metodologia de Ensino e Avaliação e aperfeiçoamento na área da deficiência visual. Tem mestrado em Educação. É professora da rede municipal de Joinville e atua como supervisora de ensino na área de educação especial desde 2001. É professora-pesquisadora do curso de formação de professores em Atendimento Educacional Especializado (modalidade EAD) da Universidade Federal do Ceará em parceria com o Ministério da Educação / Secretaria de Educação Especial. Tem atuado em cursos de graduação, pós-graduação e formação docente nas áreas de educação especial, educação inclusiva e deficiência visual.

Myriam Beatriz Campolina Silva
É psicopedagoga e professora especialista em deficiência visual. Atuou como professora regente e professora da sala de recurso da rede municipal de Belo Horizonte. Fez parte da equipe da Coordenadoria Municipal das Pessoas Portadoras de Deficiência e atualmente está na equipe do CAP/BH. Trabalhou na escola estadual São Rafael (atendimento específico à deficiência visual) como professora regente, ensino itinerante, orientação e mobilidade e também na sala de recursos. Vem atuando como docente de cursos de formação de educadores na área da deficiência visual.

 

Imagem da capa do livro "Atendimento educacional especializado do aluno com deficiência física"Atendimento educacional especializado do aluno com deficiência física

Cotidiano escolar: ação docente
Autor: Rita Bersch, Rosângela Machado
Número de páginas: 64
ISBN: 9788516041984

 

Sobre a obra

Este livro tem por objetivo subsidiar gestores e professores das redes de ensino no que se refere ao ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO do aluno com deficiência física, abordando três situações reais do cotidiano escolar que nos possibilitam identificar, estudar e avaliar os serviços e recursos de acessibilidade com base na necessidade de cada aluno, de modo a potencializar a inclusão escolar. No transcorrer das três situações, é abordado o conceito de AEE e sua importância na vida escolar desses alunos, suas atribuições e sua articulação com a sala de aula comum. São abordadas, também, as modalidades da Tecnologia Assistiva e sua ligação com o AEE, demonstrando a viabilidade de acesso para que o aluno com deficiência física tenha efetiva participação no cotidiano da escola comum. Não e suficiente para o professor de AEE estudar e conhecer os tipos de deficiência física. Cada criança é uma criança e deve ser considerado o contexto educacional ao qual ela está inserida, atendo-se a suas necessidades, habilidades, dificuldades, gostos, desejos, preferências, entre outros elementos. Garantir participação é reconhecer o outro na sua diferença, no seu tempo, no seu ritmo e no seu jeito de fazer as coisas.

 

Sobre o autor

Rita Bersch

Rosângela Machado

 

Imagem da capa do livro "Atendimento educacional especializado do aluno com deficiÍncia intelectual".Atendimento educacional especializado do aluno com deficiência intelectual

Cotidiano escolar: ação docente
Autor: Adriana Leite Limaverde Gomes, Jean-Robert Poulin, Rita Vieira de Figueiredo
Número de páginas: 102
ISBN: 9788516041991

 

Sobre a obra

Este livro foi elaborado para orientar as ações dos professores do ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO dos alunos que apresentam deficiência intelectual, aos pais desses alunos, assim como explicitar as ações do professor do AEE junto às salas de aula regulares nas quais se inserem os alunos.

Detalha o trabalho desse professor, o qual gravita em torno de três polos: gestão, avaliação e acompanhamento da aprendizagem dos alunos.

A gestão da aprendizagem inclui os processos de aprendizagem do aluno no interior da sala multifuncional e fora dela. A avaliação das possibilidades e dificuldades de aprendizagem em interação com o meio escolar é familiar. Já o acompanhamento implica o desenvolvimento de ações específicas visando à evolução do aluno e à transformação das ações dos diferentes atores que interagem com esse aluno.

 

Sobre o autor

Rita Vieira de Figueiredo
Graduada em Pedagogia, mestre em Educação e doutora (Ph.D.) em Psicopedagogia pela Université Laval (Canadá). Pós-doutorada em Linguagem Escrita e Deficiência Intelectual pela Universidade de Barcelona. Atualmente é professora da Universidade Federal do Ceará.

Jean-Robert Poulin
Canadense, graduado em Licence en Enseignement (enfance inadaptée) pela Université Laval. Mestre em Educação pela Université Laval e doutor em Orthopédagogie pela Université de Montréal. É pesquisador em Educação Especial com intersse particular na Inclusão Escolar e na Deficiência Intelectual. Suas publicações contemplam, além dessas áreas, o conflito sociocognitivo e a aprendizagem cooperativa.
Professor aposentado pela Université du Québec, em Chicoutimi, com mais de 35 anos de experiência na formação de professores. Atualmente desenvolve pesquisa na Faculdade de Educação da Universidade Federal do Ceará, vinculada à linha de pesquisa de Educação Especial.

Adriana Leite Limaverde Gomes
Graduada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Ceará. Especialista em Psicomotricidade pela Universidade de Fortaleza. Mestre e Doutora em Educação pela Universidade Federal do Ceará, exerce suas funções na Faculdade de Educação no Departamento de Teoria e Prática de Ensino e no Programa de Pós-graduação em Educação vinculada à linha de Desenvolvimento, Linguagem e Educação de Criança. Desenvolve atividades de pesquisa, extensão e ensino e se interessa particularmente pelos processos de ensino e de aprendizagem de alunos com deficiência intelectual – possui publicações no Brasil e no exterior nesse campo de conhecimento. Integra grupo de pesquisa nas áreas de Linguagem Escrita, Didática, Educação Especial, Deficiência Intelectual e Práticas Pedagógicas no contexto da diferença. Coordena a área de Deficiência Intelectual do Curso de Especialização em Atendimento Educacional Especializado pela Universidade Federal do Ceará.

 

Imagem da capa do livro "Atendimento educacional especializado do aluno com surdez"Atendimento educacional especializado do aluno com surdez

Cotidiano escolar: ação docente
Autor: Carla Barbosa Alves, Mirlene Ferreira Macedo Damázio
Número de páginas: 104
ISBN: 9788516042004

 

Sobre a obra

Este livro traz reflexões e ações sobre a educação escolar de alunos com surdez, rompendo com o embate entre os gestualistas e os oralistas, interpretando, à luz do pensamento pós-moderno, a pessoa com surdez como ser humano descentrado, em que os processos perceptivos, linguísticos e cognitivos poderão ser estimulados e desenvolvidos.

O livro procura mostrá-los como seres humanos capazes, produtivos e constituídos de várias linguagens, com potencialidades para adquirir e desenvolver não somente os processos visuais-gestuais, mas também ler e escrever as línguas em seus entornos.

 

Sobre o autor

Carla Barbosa Alves
Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal de Uberlândia, especialização em Metodologia do Ensino Superior e especialização em educação especial, também pela Universidade Federal de Uberlândia. Atua há 12 anos na área de educação. Tem experiência na área de educação como supervisora escolar, com ênfase em educação especial – Atendimento Educacional Especializado e Educação Inclusiva, e professora do Ensino Superior. Atualmente, é supervisora escolar da Prefeitura Municipal de Uberlândia, atuando no setor responsável pela educação especial, prestando assessoria às escolas que possuem o AEE; professora do curso de Especialização em Atendimento Educacional Especializado na Unicaldas; supervisora de conteúdo na área da surdez pelo MEC/SEESP/SEED/UFC no Programa de Educação Inclusiva: Direito à Diversidade.

Mirlene Ferreira Macedo Damázio
Possui graduação em Pedagogia; dois mestrados, sendo um em Educação e o outro em Educação para a Diversidade Humana pela Universidade de Salamanca; doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Atua há 28 anos na área de educação. Tem experiência na área de educação, com ênfase principalmente nos seguintes temas: pedagogia, elaboração de currículo, gestão educacional, atendimento às diferenças humanas, formação de professores, inclusão social e escolar. É conteudista do MEC/SEESP/SEED/UFC no Programa Educação Inclusiva: Direito à diversidade, na área da surdez. Realiza palestras, cursos, assessorias e consultorias na área de educação por todo o País. É pesquisadora da Fundação Conviver para Ser. É coordenadora e professora do curso de Especialização em Atendimento Educacional Especializado na Unicaldas. Tem vários textos e livros publicados.

 

Imagem da capa do livro "Atendimento educacional especializado: políticas públicas e gestão nos municípios".Atendimento educacional especializado: políticas públicas e gestão nos municípios

Cotidiano escolar: ação docente
Autor: Maria Teresa Mantoan, Maria Terezinha da Consolação Teixeira dos Santos
Número de páginas: 96
ISBN: 9788516069209

 

Sobre a obra

Este livro apresenta a Educação Especial na perspectiva da inclusão escolar aos professores e aos que também se interessam pela educação como um direito de todos, indiscriminadamente. Abordamos inicialmente a inclusão e suas repercussões no ensino e na organização pedagógica das escolas comuns.

Em seguida, tratamos da evolução da Educação Especial para se ajustar à inclusão escolar e à vanguarda de nossa legislação, o que implicou a sistematização da nova Política Nacional da Educação Especial, na Perspectiva da Educação Inclusiva. Todo o destaque é dado para o serviço do ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO.

A intenção de cada capítulo é socializar conhecimento, propondo algumas atividades práticas e reflexivas aos leitores que se interessarem em atender um pouco mais a complexidade e, ao mesmo tempo, a possibilidade da inclusão escolar. Finalizamos mostrando as relações existentes entre as políticas públicas e os projetos escolares, detalhando as influências entre ambos.

 

Sobre o autor

Maria Teresa Mantoan
Pedagoga especializada em educação de alunos com deficiência mental e doutora em Psicologia Educacional. Leciona nos cursos de graduação e pós-graduação na Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - além de coordenar o Laboratório de Estudos e Pesquisas em Ensino e Diferenças - LEPED.

Maria Terezinha da Consolação Teixeira dos Santos
Pedagoga formada pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCCAMP) e mestre em Filosofia e História da Educação (PUC-SP). Concluiu o doutorado na Faculdade de Educação da Unicamp e ocupou o cargo de Secretária Municipal de Educação e Cultura de Três Corações, Minas Gerais, em três administrações. Atualmente é professora de mestrado em Educação na UninCor - Universidade Vale do Rio Verde.

 

Fonte: Editora Moderna.

[ Página anterior ] [ Página principal ]

 

Estatísticas de visitas. Site externo.